Cuidados para quem está pensando em reformar algum ambiente

Navegando pelo Pinterest, me deparei com essas duas imagens que mostram claramente erros de planejamento dos espaços e resolvi vir aqui e mostrar para vocês.

220414_CUIDADOS NO PLANEJAMENTO DOS ESPACOS_FOTO 1

220414_CUIDADOS NO PLANEJAMENTO DOS ESPACOS_FOTO 2

Sempre que vamos decorar algum ambiente, é fundamental medir corretamente os espaços para que não tenhamos problemas como os das fotos acima. Não é?!?

Pensando nisso, pesquisei um pouco e achei alguns pontos de atenção que precisamos ter quando estamos redecorando algum espaço:

1. O vão entre os móveis deve ser de, no mínimo, 60 cm, para que haja espaço para circulação das pessoas.

2. Atrás da mesa de almoço/jantar deve-se deixar um espaço de, aproximadamente, 90 cm. Esse vão irá servir para que uma pessoa possa ficar sentada e outras possam circular sem problemas.

3. Quando estiver escolhendo o tamanho da sua mesa de almoço / jantar, calcule 60 cm por pessoa.

4. Quando planejar um móvel, verifique como a porta do mesmo irá abrir e se esta não irá encostar em alguma luminária.

5. Nas lavanderias, deve-se atentar para que os móveis não cubram o ralo, pois em caso de vazamento do tanque ou lavadora, o ralo é extremamente necessário.

6. Quando estiver planejando a sua cozinha, leve em conta a altura da bancada. Em uma família com pessoas mais altas, vale a pena pedir ao marceneiro que faça uma bancada mais alta. A sua coluna agradece!

Com pequenos cuidados e planejamento, a possibilidade de erros como os das fotos acima, diminui bastante.

Não deixe de curtir o blog no Facebook e Instagram! 😉

Como escolher os eletrodomésticos que combinam com a sua casa

Quando decidimos mudar alguma coisa em nossa casa, a cozinha e a área de serviço, muitas vezes, não recebem a atenção que merecem. Por isso, a equipe do Magazine Luiza trouxe algumas dicas para ajudar os leitores do Organizz na hora de planejar uma verdadeira revolução nesses espaços.

Vamos começar pela cozinha? Afinal, esse é o lugar onde as pessoas se reúnem, seja para fazer um lanche no meio da tarde, como para acompanhar o preparo das mais deliciosas receitas.

Até por isso, a primeira dica é, na verdade, uma pergunta que você deve se fazer: qual o seu ritmo de utilização da cozinha? É só para esquentar refeições rápidas à noite ou toda hora sai comida quentinha, suco para o filho, lanche especial para a hora do filme? É mais solicitada no final de semana ou “não tem descanso”? Pense bem e reflita, pois a partir disso é que você vai traçar suas estratégias de compra.

Por exemplo, quem está em casa somente ao final do dia pode investir em soluções mais compactas, tanto para geladeira e fogão, assim como “economizar” na hora de rechear o ambiente com eletrodomésticos que terão pouco uso.

Por outro lado, uma família com cinco pessoas e rotina intensa requer uma estrutura mais preparada para lidar com as exigências de todos, que vão de geladeiras com maior espaço até fogões e micro-ondas com soluções inteligentes e programações automáticas.

Claro que outro item muito importante é o tamanho de sua família. Ao longo deste post você vai ver diversas alternativas que combinem com um casal, pequena ou grande família, de forma a tentar oferecer algumas soluções.

Dicas para escolha de novos eletrodomésticos

Para ajudar foram levantadas dicas mais temáticas do que somente listar os mais recentes lançamentos.

Por exemplo, o que vale mais à pena: investir em eletrodomésticos top de linha, cheios de recursos que, talvez você nem vá usar ou a melhor estratégia é optar por soluções básicas? A dica aqui é: quanto menos você quiser esquentar a cabeça, mais tecnológico seu eletrodoméstico precisa ser.

Para casais sem filhos, solteiros ou quem tem uma cozinha compacta

Quando o assunto é geladeira, a ideia é investir em um modelo mais simples e que seja fácil de arrumar e manter. Afinal, são grandes as chances de você comer mais na rua do que em casa. Como principais características temos a capacidade reduzida (240 litros, por exemplo), apenas uma porta e (por que não?) o degelo Frost Free para você não esquentar a cabeça com limpeza.

E o fogão de quem está começando sua vida independente? Ele precisa ser econômico, prático e barato, certo? Neste caso, a sugestão é optar pela compra de modelos tradicionais, com duas ou quatro bocas. Eles vão ocupar menos espaço, o que combinará com o seu primeiro apartamento. Quando a parte financeira estiver bem estabelecida, vale até pensar em trocar por um modelo com acendimento automático e forno com maior capacidade.

Olha, isso não quer dizer que você não possa investir em um cooktop também, ok? Só lembre que para isso você terá providenciar duas questões: a reforma para acomodar o fogão e… um forno extra, já que este tipo de fogão não conta com um.

E se a minha família estiver crescendo?

Para a geladeira, é o momento de começar a jogar com as variáveis existentes nos modelos atuais. A capacidade começa a crescer, como, por exemplo, 260 litros ou mais. Você pode acrescentar mais uma porta, até porque você pode precisar começar a congelar comida. Ah sim, um gavetão de legumes é fundamental e o dispenser com água pode ser uma boa para a criançada se hidratar sem precisar ficar naquele abre e fecha de porta.

O fogão começa a receber mais e mais funções, como forno maior, timer, luz interna no forno e válvula de segurança, muito bom quando pensamos nas crianças pequenas. Elas cortam o gás caso a chama apague! Existem também modelos de cooktop com essa função. O foco aqui deve ser a simplicidade de uso, flexibilidade de funções e, claro, alternativas de segurança.

Mas eu tenho uma família grande!

Tem cinco pessoas ou mais morando ou frequentando a sua casa? Daí o modelo de geladeira começa a tomar outra proporção. A capacidade ideal já é a de 400 litros, o espaço interno e distribuição precisam contar com alguns truques, como prateleiras ajustáveis e compartimentos inteligentes para latinhas, frutas, frios etc. Até mesmo no freezer a ideia de divisórias não é má, viu? Elas trazem praticidade na hora de separar os congelados para consumo imediato ou de acordo com a sua dieta.

Fique de olho em itens como o painel eletrônico externo para você regular tudo em sua geladeira sem precisar abrir a porta, compartimentos para extração rápida ou armazenamento de gelo, porta-latas, funções e programas para festas e semana de compras (elas regulam a temperatura de acordo com a ocasião).

E, claro, não deixe de verificar projetos mais ousados, como as geladeiras invertidas, com freezer na parte de baixo, as side-by-side (porta dupla) e French Door, como uma side by side, mas com portas duplas superiores.

E na hora de cozinhar, vale investir em fogões de seis bocas. Lembre-se: quanto mais gente dentro de casa, maior é a demanda e também a rapidez com a qual você terá que atender a todos. A dica aqui é focar nos modelos com programação. Você sabia que alguns fogões permitem ajustar o tempo de funcionamento das bocas? Economia total e preocupação zero!

Fique de olho também em queimadores com chamas duplas ou triplas, que permitem cozimento mais rápido, além de fornos duplos, a novidade do momento. Dá para você preparar o prato principal e o bolo da sobremesa ao mesmo tempo!

Forno elétrico ou micro-ondas?

É uma boa questão, viu? Como foi dito acima, alguns modelos de fogões têm fornos duplos, sendo o segundo elétrico. Ele ajuda bastante na hora de esquentar refeições ou até preparar sanduíches.

Se for para indicar a primeira compra, contudo, o micro-ondas pode ser mais certeiro. Ele ganha em versatilidade e, com o cuidado correto, dá para fazer qualquer receita nele.

Vamos para a área de serviço agora?

Antes, ela era dominada pela máquina de lavar. Em regiões mais úmidas ou frias, a secadora também era presença certeira nas lavanderias. Não é que agora os dois produtos viraram um só? As lava e seca reinam no segmento e são um sonho de consumo e tanto. Mas tem outras opções para todos os perfis! Confira algumas dicas!

Você sabia que existem modelos de máquina de lavar tão pequenos que podem ser instalados na parede? Alguns são pensados para quem tem a vida corrida. Que tal um programa rápido de apenas 22 minutos que lava aquelas roupas que estão “quase limpas”, que você apenas usou no escritório, sabe?

O mais legal é que as máquinas atuais fazem muito mais do que lavar. A água quente, as tecnologias de nanopartículas e os sistemas de tombamento ajudam a “cuidar” de suas roupas, esterelizando-as e deixando-as sempre macias e prontas para passar!

Concluindo

Repensar os espaços é sempre uma delícia quando a gente conhece exatamente nossa necessidade e se dedica a fazer uma boa pesquisa. Assim, conseguimos evitar surpresas e acertar a mão na hora de modernizar nossa casa. Tomara que você tenha gostado do post!

270314_COMO ESCOLHER OS ELETRODOMESTICOS QUE COMBINAM COM A SUA CASA

Organizando uma pequena reforma: pasta inspiração

Há algum tempo atrás, escrevi um post com dicas para quem vai começar uma reforma (reveja aqui) e, ontem, percebi que esqueci de falar sobre a pasta inspiração.

Se você não tem um decorador ou um arquiteto para ajudar em sua reforma, acho que é muito importante ter uma pasta inspiração para aquele cômodo que você deseja reformar.

A ideia é concentrar, em um só lugar, todas àquelas imagens / fotos que poderão servir como base para a sua reforma. Pode ser uma pasta catálogo, uma pasta em seu computador, um caderno no Evernote, ou um mural (a Andrea – do blog Ideias de Estilo- falou sobre o mural de estilo nesse post, o conceito é o mesmo, só mudando o foco dos seus recortes para decoração).

Lembrei disso ontem, quando estava revendo as minhas inspirações para cabeceira da cama, pois estou querendo trocar a minha. Como não sou muito fã de papel, minhas inspirações ficam no Evernote. Assim, bastou procurar a nota com as inspirações de quarto e lá estavam elas.

Isso facilitou muito minha vida e agora já sei o que vou fazer. Como será uma obra DYI, depois mostro aqui no blog como ficou.

Se alguém está procurando inspiração para o mesmo tipo de projeto, deixo abaixo, as imagens que eu tinha no Evernote.

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 1

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 2

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 3

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 4

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 5

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 6

270114_ORGANIZANDO UMA PEQUENA REFORMA_PASTA INSPIRACAO_FOTO 7

Como eram fotos que eu tinha salvo há algum tempo, não tenho os créditos delas, mas caso alguma dessas fotos seja sua, por favor me avise para que eu possa colocar os créditos devidos.

Espero que tenham gostado da dica da pasta inspiração e desejo uma ótima semana à todos!

Como organizar uma pequena reforma?

Se você cansou da decoração da sua casa ou quer dar uma repaginada em algum cômodo, a principal dica para fazer uma pequena reforma sem dor de cabeça é o planejamento.

Em primeiro lugar é necessário colocar no papel o que você quer mudar e saber exatamente de quanto dinheiro você dispõe para essa empreitada.

É fundamental, também, ouvir as pessoas que utilizam o cômodo e verificar o que cada um precisa e quer para aquele ambiente. Nem sempre é possível conciliar todas as opiniões, mas vale a pena tentar.

Um arquiteto pode ajudar nesse processo mas, se não for possível, ao menos faça um desenho com a planta baixa do cômodo. Isso facilita a visualização do espaço que você tem e de quais móveis podem ser colocados.

É importante lembrar de que se a sua reforma também mexe na parte estrutural, você precisa ter a ajuda de um engenheiro.

Revistas decoração e blogs especializados são uma ótima opção de consulta. Procure aqueles que mais combinam com seu estilo de vida pessoal.

Os móveis funcionais tendem a ser uma ótima opção para cômodos pequenos, pois permitem que o ambiente fique bonito e o deixam mais organizado.

Aqui no blog temos uma categoria dedicada aos móveis funcionais. Confere lá!

O próximo passo é fazer um orçamento detalhado com tudo o que vai precisar. Defina quais as suas prioridades, assim ficará mais fácil procurar os fornecedores e produtos e organizar os prazos.

Busque indicação de mão de obra qualificada, para não gerar gastos extras e frustrações. Escolher bons profissionais diminui bastante o risco de você ter problemas.

Por último (e não menos importante), estabeleça um cronograma realista com os fornecedores e faça um acompanhamento constante para que ele seja cumprido.

080813_COMO ORGANIZAR UMA PEQUENA REFORMA

Reformando a bancada de maquiagem

Aproveitando o sábado de preguiça, resolvi reformar minha bancada de maquiagem.

Ela estava com algumas manchas e com alguns pontos com a tinta descascada . Minha primeira ideia foi usar papel contact para forrar, mas não achei nenhum que tivesse gostado. Optei, então, por um papel de parede listrado, em tons de bege, para combinar com a decoração do quarto.

220613_PROJETO FIM DE SEMANA_FOTO 1

O primeiro passo foi tirar tudo da bancada e limpar com álcool para que a fita pudesse aderir bem.

220613_PROJETO FIM DE SEMANA_FOTO 2

Além do papel de parede, eu usei fita dupla face, trena, tesoura e estilete.

220613_PROJETO FIM DE SEMANA_FOTO 3

Depois de tudo limpo, recortei o papel de parede na medida exata da bancada, colei fita dupla face em toda a superfície e coloquei o papel de parede sobre as fitas, tomando cuidado para ficar bem esticado, sem bolhas ou ranhuras.

Para finalizar, utilizei o estilete para tirar as bordas que sobraram.

Eis o resultado final:

220613_PROJETO FIM DE SEMANA_FOTO 4